Necessita de Flash Player

  www.lanceiros.web.pt - a 1ª pagina da Policia do Exercito na Web - Morte ou Gloria

Hino Nacional
 
O Hino de Portugal tem uma história original.
A sua música e letra foram criadas, pelo compositor
"Alfredo Keil" e pelo poeta "Lopes de Mendonça", 21 anos antes de serem oficialmente adoptadas como Hino Nacional.

A canção original surgiu em 1890, como um canto patriótico de revolta contra o ultimato que a Inglaterra impusera a Portugal, na sequência da disputa pelo controlo de territórios de África.

A esta canção foi dado o nome de
"A Portuguesa", e o seu sucesso foi imediato.

Na revolução fracassada de 1891, os Republicanos, adoptaram-na como cântico e a musica foi então proibida,.
Mas permaneceu viva no espírito popular, até ser de novo cantada espontaneamente a 5 de Outubro de 1910...


Heróis do mar, nobre povo,

Nação valente, imortal,

Levantai hoje de novo

O esplendor de Portugal!

Entre as brumas da memória

Ó! Pátria sente-se a voz,

Dos teu egrégios a vós,

Que há-de guiar-te à vitória!

Ás armas! Ás armas! Sobre a terra! Sobre o mar!

Ás armas! Ás armas! Pela Pátria lutar!

Contra os canhões marchar, marchar.
 

 Pagina elaborada para ser visualizada em Internet Explore 5 (ou superior) na Resolução de 1024/768, sendo necessário Flash Player

Esta pagina não tem fins lucrativos, apenas pretende divulgar o gosto e orgulho de um dia ter pertencido ao Regimento de Lanceiros Nº2

Copyright © 2003 - Bolacha - Todos os direitos reservados - Proibida a copia total e/ou integral, sem consentimento do Webmaster.